20 coisas que você deveria abrir mão para ser feliz.

LiberdadeHá algumas coisas na vida que não vale a pena manter. Desapegar-se de qualidades negativas que dominam seu ego, irá te trazer mais autoestima e mais felicidade. Nos agarramos a tantas coisas que só nos trazem dor, estresse e sofrimento – e ao invés de nos afastarmos de tudo isso, nos apegamos cada vez mais. Nos apegamos a energia dessas coisas diariamente. Não é hora de reprogramarmos a nós mesmos e a nossa vida? Não é hora de mudar a nossa verdade?

  1. Sua necessidade de estar sempre certo.
    Muitos de nós, não suportamos a ideia de estarmos errados – queremos sempre ter razão – mesmo correndo o risco de terminarmos grandes relacionamentos ou causando estresse e dor, para nós e para os outros. Adoramos lutar pelo direito de estarmos certos. Simplesmente não vale a pena. Sempre que você sentir a necessidade de entrar numa discussão sobre quem está certo e quem está errado, pergunte a si mesmo: “Prefiro estar com razão ou prefiro ser gentil?” ~ Wayne Dyer.
    Que diferença isso vai fazer? Seu ego é tão grande assim? Em última análise, todos têm sua própria perspectiva. A sua é apenas mais uma e pode não ser mais correta do que a outra.
  2. Sua necessidade em controlar.
    Esteja disposto a deixar sua necessidade de sempre querer controlar tudo o que acontece a você e ao seu redor – situações, eventos, pessoas, etc. Se eles são entes queridos, colegas de trabalho ou apenas estranhos que você encontra na rua – simplesmente deixe-os ser quem são. Permita que tudo e todos sejam exatamente como são e você verá o quão melhor vai se sentir. Você nunca pode controlar ninguém, a não ser você mesmo. “Domina-se o mundo deixando as coisas seguirem o seu curso. E não interferindo” ~ Lao Tsé.
  3. Sua necessidade de culpar.
    Desista da sua necessidade de culpar os outros pelo que você tem ou não tem, pelo que você sente ou não sente. Pare de jogar suas forças fora e comece a assumir a responsabilidade de sua vida. Culpar é apenas um auto julgamento pelas coisas que você não quer aceitar na sua vida.
  4. Sua lógica sobre vítimas e agressores.
    Esta é difícil porque o mundo todo está programado para acreditar que realmente existem vítimas e agressores. Tudo o que você vê é perspectiva. Todo o universo é criado a partir de frequências projetadas que muda o estado vibracional de todas as coisas, incluindo pessoas. Existe somente as projeções desses estados vibracionais e seus receptores. O universo vibracional lhe dá poderes, porque se você não gosta do jeito que sua vida está você pode mudar a maneira de como você sente e pensa sobre isso e o universo vai responder. Num universo vibracional, não existem vítimas, apenas combinações de vibrações. Portanto, a vítima de um crime é tão responsável quanto o agressor. Esta declaração ofensiva e ultrajante é por muitos, totalmente suportada pelas leis do universo.
  5. Seu diálogo interno autodestrutivo.
    Quantas pessoas não estão se machucando por causa de sua mentalidade negativa, poluída e autodestrutiva? Não acredite em tudo o que sua mente diz – principalmente se for algo negativo ou autodestrutivo. Você é melhor do que isso. Você é divino e um criador poderoso. Comece reconhecendo isso.
    “A mente é um instrumento excelente se usado corretamente. Usado de forma errada, no entanto, torna-se muito destrutiva.” ~ Eckhart Tolle.
  6. Suas crenças limitadoras.
    Sobre o que você consegue ou não fazer, sobre o que é possível e impossível. Não permita que as crenças que o limitam te deixem preso no lugar errado. Abra suas asas e voe!
    “Uma crença não é uma ideia realizada pela mente, é uma ideia que mantém a mente” ~ Elly Roselle.
  7. Seu conceito sobre verdade.
    A verdade tem 360 graus. Todos têm sua própria versão sobre verdade e nenhuma versão é a mais certa do que a outra. Sua versão da verdade é ditada pelo seu caminho e experiência de aprendizagem que é completamente definido pelo seu estado vibracional. É por isso que somos únicos e capazes de criar nossas próprias realidades. Somos o que pensamos. É muito mais sábio concordar em discordar do que impor a sua verdade a outra pessoa cuja experiência de aprendizado possa ser o oposto ao seu, afinal a sua verdade é SOMENTE A SUA VERDADE e de ninguém mais.
  8. Suas reclamações.
    Desista da sua constante necessidade de reclamar de muitas, muitas coisas, pessoas, situações, acontecimentos que o fazem infeliz, triste e deprimido. Ninguém pode fazer você infeliz, nenhuma situação pode deixar você triste a menos que você permita. Não é a situação que desencadeia esses sentimentos em você, mas sim o modo como você decidiu encará-la. É a sua perspectiva. Nunca subestime o poder de um pensamento positivo.
  9. Suas criticas.
    Chega de criticar todas as coisas, eventos, pessoas que são diferentes de você. Somos todos diferentes ainda que todos iguais. Todos nós queremos ser felizes, todos queremos amar e ser amados e todos queremos ser entendidos. Todos queremos algo e algo é desejado por todos nós. Quando você critica, você está novamente exercendo seu próprio auto julgamento por alguma carência ou algo que você não está deixando pra trás.
  10. Sua culpa.
    A culpa é um truque da mente. É um jogo que sua mente joga com você e não é nada divertido. Mantém sua atenção em algo que o faz sentir sem integridade, fazendo a coisa errada e não honrando a si mesmo, aos outros ou ao universo em geral. Aceite a responsabilidade sobre si mesmo, sua vida e suas ações. Você é adulto, você é responsável por cada ação que você toma. Você optou por fazê-lo; você deve aceitar as consequências disso e você o fez por uma razão: para aprender. Se você continuar a se sentir culpado, você para de aprender.
  11. Sua necessidade de ter que impressionar os outros.
    Pare de se esforçar em ser alguém que você não é. No momento que você para de se esforçar em ser algo que você não é, no momento em que tirar todas as máscaras, no momento em que você aceitar e abraçar o seu verdadeiro eu, você vai notar que há pessoas que são atraídas por você, sem esforço. Sucesso não tem nada a ver com o quanto de dinheiro você tem ou quantos carros você tem, mas como você escolhe viver uma vida de abundância, que vem de muitas formas e que muitas vezes não tem nada a ver com coisas materiais.
  12. Sua resistência à mudança.
    Mudar é bom. Mudança vai fazê-lo mover de A para B. Mudança irá ajudá-lo a fazer melhorias na sua vida e na vida dos outros que o rodeiam. Siga sua felicidade, abrace a mudança – não resista.
    “Siga a sua alegria, e o mundo abrirá portas para você onde antes só havia paredes” ~ Joseph Campbell.
  13. Seu sofrimento.
    Todo sofrimento é sentido e todos nós o sentimos de forma diferente. O sofrimento nos afeta diferentemente. Você não pode interpretar a dor de alguém a menos que você tenha experimentado a mesma dor. (i.e. a perda de um filho). Ela nos permite crescer e quebrar barreiras que de outra forma seria impossível se não fosse num determinado evento doloroso. Sem a presença de algum sofrimento na nossa vida, seria difícil aprender. Quando abrimos mão da nossa dor, a vida muda e flui de uma forma que nunca imaginamos ser possível. Se você acha que não consegue se livrar do sofrimento, você está só confirmando sua crença na auto limitação, por isso a dor ainda está lá, em primeiro lugar.
  14. Seus rótulos.
    Pare de rotular as coisas, pessoas, eventos que você entende como sendo estranhos ou diferentes e tente abrir sua mente, pouco a pouco. A mente só funciona quando aberta.
    “A maior forma de ignorância acontece quando você rejeita algo que desconhece completamente.” ~ Wayne Dyer.
  15. Seus medos.
    O medo é apenas um ilusão, ele não existe – você o criou. Está tudo na sua mente. Corrija seu interior e o exterior também irá se encaixar. Muitos dos limites que experimentamos no exterior tem origem no medo. Liberte-se do medo e tudo vai mudar em sua vida, quase que simultaneamente. Muitas pessoas de sucesso chegaram ao topo, simplesmente porque deixaram o medo do sucesso pra trás.
    “A única coisa que devemos temer, é o próprio medo” ~ Franklin D. Roosevelt.
  16. Suas desculpas.
    Encaixote-as e mande-as embora. Você não precisa mais delas. Muitas vezes nos limitamos por causa de muitas desculpas que usamos. Ao invés de crescermos e trabalharmos para melhorar a nós mesmos e a nossas vidas, ficamos presos, mentindo para nós mesmos, usando todos os tipos de desculpas – desculpas que na maioria das vezes sequer são reais. Sabotamos a nós mesmos centenas de vezes. Se você se pegar criando desculpas, pergunte a si mesmo porque sua primeira opção está sendo a desculpa?
  17. Seu passado.
    Frequentemente achamos que o passado é melhor do que o presente, e o futuro assustador, mas você tem que levar em consideração que o momento presente é tudo o que você tem e tudo o que você terá. O passado que você está agora desejando – esse passado que você sonha – foi ignorado por você quando estava presente. Pare de se iludir. Esteja presente em tudo o que você faz e aproveite sua vida. Afinal a vida é uma viagem e não um destino. Tenha uma visão clara para o futuro, prepare-se, mas sempre esteja presente no agora. Trabalhe nisso fazendo tarefas simples todos os dias. Por exemplo, quando você corta a grama, pense somente na grama e nada mais. Quando está lavando os pratos, mergulhe toda sua presença em lavar os pratos. Eventualmente sua vida vai girar em torno do dia de hoje, não no de ontem.
  18. Seus apegos.
    Este é um conceito que, para muitos de nós, é bem difícil de entender, mas não algo impossível. Você melhora cada vez mais conforme for praticando. No momento em que você desapega de todas as coisas, (o que não significa que você não as ama – afinal amor e apego não tem nada a ver um com o outro, apego vem do medo, enquanto amor… bem, amor verdadeiro é puro, bondoso e desinteressado, onde há amor não pode haver medo, e por causa disso, apego e amor não podem coexistir) você se torna calmo, tolerante, amável e sereno. Isso te levará a um lugar onde você entenderá todas as coisas, sem sequer tentar. Um estado além das palavras.
  19. Seus ressentimentos.
    Deixe ir seus ressentimentos internos em relação às pessoas, situações e eventos. Se você guarda rancor, você só dispersa o poder de perto de si e o aprendizado pára. Aprenda a perdoar. Esta é a verdadeira força.
    “O fraco jamais perdoa: o perdão é uma das características do forte” ~ Mahatma Gandhi
  20. Sua expectativa sobre si mesmo e dos outros.
    Deixe de lado qualquer expectativa sobre si mesmo que irá limitar o seu crescimento. Se você mantém expectativas sobre como os outros devem se comportar, você sempre ficará desapontado se eles não responderem da maneira como você esperava. É a sua expectativa em relação às pessoas que o faz julgá-las e que na verdade é um julgamento de si mesmo. Muitas pessoas acabam vivendo um vida que não é a delas. Vivem suas vidas de acordo com o que outras pessoas pensam de como seria melhor para elas, vivem suas vidas de acordo com o que seus pais imaginam, para seus amigos, seus inimigos e seus professores, do governo e da mídia. Ignoram a voz interior, o chamado interior. Estão tão ocupados agradando a todos, vivendo do modo que outras pessoas esperam, que acabam perdendo o controle de suas próprias vidas. Esquecem do que as fazem felizes, do que querem, do que precisam… e então, esquecem de si mesmos. Você tem uma vida – esta vida, agora – viva-a, possua-a e nunca deixe a opinião de pessoa alguma lhe distrair de seu caminho.

Fonte

Anúncios

4 comentários sobre “20 coisas que você deveria abrir mão para ser feliz.

  1. Ótima texto para refletirmos que rumo queremos dar a nossas vidas e o que nos limita em termos de desafios que a priori nos parecem impossíveis de serem vencidos, acredite em si e no que você é! Excelente Syeh!

Gostou? Deixe um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s