5 coisas que a sua alma quer que você saiba

Quando se trata de viver a vida, nós gastamos quase 100% do nosso tempo vivendo como um avatar. Nós temos um ego, uma personalidade, preferências, aversões, crenças, opiniões, pontos de vista culturais e experiências. Esses ingredientes compõem a nossa “pessoa” e o nosso senso mundano do EU. Mas sob todos estes ingredientes humanos encontra-se um que é a base de todos eles. Sem esse ingrediente, este avatar não existiria. Este ingrediente é a alma.

5 arrependimentos no leito de morte

Enfermeira revela os 5 maiores arrependimentos das pessoas em seus leitos de morte.

Por muitos anos eu trabalhei em cuidados paliativos. Meus pacientes eram aqueles que tinham ido para casa para morrer. Algumas experiências incrivelmente especiais foram compartilhadas. Eu estava com eles nos últimas três a doze semanas de suas vidas. As pessoas crescem muito quando eles são confrontados com a sua própria mortalidade.
Eu aprendi a nunca subestimar a capacidade de alguém para o seu crescimento. Algumas mudanças foram fenomenais. Cada um experimentou uma variedade de emoções, como esperado, negação, medo, raiva, remorso, mais negação e, finalmente, aceitação. Cada paciente encontrou sua paz antes deles partirem, cada um deles.

Você tem medo dos outros julgarem você?

Parece-me que a maioria de nós tem medo de que as outras pessoas nos julguem. E o que fazemos? Nós não damos às outras pessoas a oportunidade de nos julgar, por que nós mesmos nos julgamos antes mesmo de que eles tenham a chance de pensar em nós por um segundo. Já fui tão obcecado quanto a opinião dos outros, mesmo quando eu achava que não. Ultimamente tenho percebido que me agarrei a algumas ideias muito limitadas sobre como o mundo e as pessoas funcionam. Julgar é uma delas.

Como o pensamento positivo pode transfomar a sua saúde

Será que pensar positivamente sobre si mesmo e seu ambiente externo realmente produz alguma mudança notável e positiva em sua vida? E você pode curar-se de doenças simplesmente afirmando-se ser saudável e pleno?
Bem, certamente ter uma perspectiva positiva pode alterar a sua percepção da realidade – o que pode ser benéfico – mas isso realmente altera a nossa realidade por si só? Na verdade, essa deve ser a pergunta mais profunda nos últimos séculos relacionada à contemplação da consciência dentro da espiritualidade, filosofia… e sim, até mesmo na ciência: Qual o papel da consciência na criação da realidade?

A Percepção da Realidade e o Mito da Caverna

Não é por coincidência que os programas de TV e as principais hits das rádios terem tudo a ver com a exaltação do nosso ego e ainda glamorizar a vida num estado inferior de consciência. Os comerciais nos dizem o que comer, o que vestir, qual carro comprar e quais objetos devemos adquirir para nos sentirmos melhor conosco mesmos. Nem tudo o que está na mídia é corrupto, mas devemos começar a ter mais consciência sobre o que vem se tornando popular, porque são os ideais retratados por ela, que tornam-se a forma como nós nos interagimos como um todo.

Homofobia ou autofobia?

Uma série de estudos psicológicos revelam que a homofobia é mais acentuada em indivíduos que tem atração por pessoas do mesmo sexo e que cresceram com pais autoritários que proibiam tais desejos.